Notificação

NÚCLEO INSTITUCIONAL DE SEGURANÇA DO PACIENTE - NISP SPDM-PAIS
nisp.padronizacao@spdm-pais.org.br

Campos com asterisco (*) tem preenchimento obrigatório.
- INFORMAR COM QUEM OCORREU O EVENTO ADVERSO  * 


Unidade:
*

  Data Ocorrência:
*
  Hora:
*
Ficha de Atendimento:
*
Nº Prontuário:
*
Paciente:
*
Idade:
*
Leito:
*

- NOTIFICADOR

Nome:
Cargo:

- MOTIVO DA NOTIFICAÇÃO  * 


- CLASSIFICAÇÃO  * 

SITUAÇÃO EM QUE HOUVE POTENCIAL SIGNIFICATIVO DE DANO, MAS NÃO OCORREU UM INCIDENTE.

QUALQUER NOTIFICAÇÃO DE SUSPEITA DE ALTERAÇÃO/ IRREGULARIDADE DE UM PRODUTO/ EMPRESA RELACIONADA A ASPECTOS TÉCNICOS OU LEGAIS, E QUE PODERÁ OU NÃO CAUSAR DANO À SAÚDE INDIVIDUAL E COLETIVA;

INCIDENTES QUE NÃO ATINGEM OS PACIENTES, TAMBÉM CHAMADA DE QUASE FALHA.

EVENTO QUE OCORREU A UM PACIENTE, MAS NÃO CHEGOU A RESULTAR EM DANO.

EVENTO ADVERSO (RESULTA EM DANO AO PACIENTE).

PACIENTE APRESENTOU SINTOMAS LEVES, DANOS MÍNIMOS OU INTERMEDIÁRIOS DE CURTA DURAÇÃO SEM INTERVENÇÃO MÍNIMA (PEQUENO TRATAMENTO OU OBSERVAÇÃO).

PACIENTE NECESSITOU DE INTERVENÇÃO, PROLONGOU A INTERNAÇÃO, COM DANO OU PERDA DE FUNÇÃO PERMANENTE OU DE LONGO PRAZO.

PACIENTE NECESSITOU DE INTERVENÇÃO PARA SALVAR A VIDA, GRANDE INTERVENÇÃO CLÍNICA/ CIRÚRGICA DE GRANDE PORTE, DIMINUIÇÃO DA EXPECTATIVA DE VIDA, COM GRANDE DANO OU PERDA DE FUNÇÃO PERMANENTE OU DE LONGO PRAZO, PERTURBAÇÃO/ RISCO FETAL OU ANOMALIA CONGÊNITA.

DIMINUIÇÃO DA EXPECTATIVA DE VIDA, COM GRANDE DANO OU PERDA DE FUNÇÃO PERMANENTE OU DE LONGO PRAZO, DENTRO DAS PROBABILIDADES, EM CURTO PRAZO O EVENTO CAUSOU OU ACELEROU A MORTE DO PACIENTE.

PERDA DO PACIENTE CAUSADO PELO EVENTO ADVERSO.

- DESCRIÇÃO MAIS DETALHADA DO EVENTO  * 

Informações Adicionais:
*** Mínimo 50 caracteres.